Menu

15 de mai de 2011

Sinais de perca.


Destacado ao meio da sala, cercado por dois quadros familiares, esta ele sentado no chão, dia frio. Mas quem liga? Mais frio esta por dentro. Qual deles olhar, qual deles escolher para se perder em pensamentos? E ela? Ele já nem sabe onde ela anda, por onde ela anda? Aliás, ele nunca soube onde encontra-la. Se perdia mesmo quando estava com ela. Mal podia acreditar no que estava acontecendo, ele estava perdendo ela agora. E o que fazer? Atitudes não justificam umas as outras. E ele tem que imaginar como é que ela esta, com uma leve impressão de que a ultima coisa em que ela esta pensando, é nele. Eu vejo vocês, são iguais. Cometem os mesmos erros e ainda acham que tem o direito de ousar pensar que existe razão em algum dos lados e o melhor a fazer é se afastar, sabendo que são melhores juntos. Incompleto, interminado, inacabado, uma história que tinha tudo para dar certo antes das luzes se apagarem, e hoje estão aí. Eu vejo, você esta deixando ela ir, esta deixando ela se mudar para longe, longe de você, do seu abraço, dos seus braços, do seu olhar e dos seus olhos. De você, do seu ciúme. Longe do seu ciúme, longe ela te dá ciúmes. Solidão mal vivida essa a sua que se perde rapidamente em outros braços, outros braços sim, mas que não são os dela, o que não é a mesma coisa. E ela? Onde ela anda? Com quem ela anda? Ela foi, foi porque você deixou... quem mandou não a segurar com força, pela mão, violento, tudo bem. Mas sua, ela tinha que ser sua, você não disse que ia ser pra sempre? Eu sou a sua consciência e você só finge que não me ouve, mas você me ouve, não ouve? Eu te peço, corra atrás dela. Ela esta indo, você pode ouvir o som de seus sapatos. Não pode? Ele agora vai coçar a cabeça, procurar alguma coisa pra beber na geladeira, e tentar se distrair, enquanto ela. Não atende, e também não liga. Ele agora se encontra no sofá da sala e eu só tenho uma coisa a perguntar: Vai deixar ela passar? Vai deixar ela ir embora mesmo e correr o risco de nunca mais poder chama-la de sua e disfarçar o ciúme quando qualquer outro ousasse duvidar que ela era realmente sua, só sua? Vai correr o risco de não ver o quanto ela ainda vai ser tornar mais mulher do que já é? Não adianta fingir que não esta ouvindo... Volte aqui!
A unica frase que eu posso ouvir dele, com a certeza do que fala, sem se enrolar nas palavras é: "Foi um sinal, talvez eu tenha medo de ouvir, mas foi um sinal."

3 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...