Menu

20 de jan de 2013

Alguém que me amou como eu nunca me amei.

Eu estava perdendo a única pessoa que não havia desistido de mim no meio do caminho. A única que pagou pra ver se eu era turrona mesmo ou era só armadilha de mulher passada em mãos de moleque.
Eu ainda não acredito que alguém me ame tanto ao ponto de ligar de volta após eu ter desligado de propósito a ligação. Era a única pessoa que tinha soluções para quase todos os meus problemas ainda que tivesse mais problemas do que eu. Eu não acredito que depois de tanto crucificar os que me perderam por querer, eu estava fazendo igual. Ninguém entendia o porque que mesmo com as milhares de discussões, os próximos quinze minutos seriam de declarações que não aconteciam em momentos de paz.

Uma ligação. Eu não soube o que dizer, por nunca saber. Defeito o meu só saber escrever. Era como se eu revidasse contra o que a minha alma implorava para que eu fizesse, lutar pelo homem que nem cabia nos meus sonhos. Alguém que me amava com tantos argumentos favoráveis.
Eu não fazia esforço nenhum para que ele ficasse, e ainda sim, ele ficava por dias... Dias!
Eu tinha que fazer alguma, por fim, por Deus, eu tinha. Ou aceitar que por não ter feito nada, eu havia perdido tudo. Então, senta aqui. Meu coração já não se acostuma com ele longe. Senta. Já que eu não sabia retrucar ou me explicar, que ao menos eu o calasse com um pequeno beijo, pequeno e grande beijo. Eu só queria pedir um pouco mais de paciência comigo, eu não aceito perder nem tampa de caneta quanto mais amor de verdade. Um amor que me amou como ninguém jamais amou, como nunca me amei também. E se te serve de consolo, e se te serve de acalanto, te quero e quero muito. Fica, que eu prometo agora lutar, prometo não deixar escorregar, um amor que de tão grande faz doer os olhos. Eu não desistiria da única pessoa que eu não havia perdido no meio do caminho.

3 comentários:

  1. eu realmente queria te pedir pra falar sobre solidão. Sobre pessoas sozinhas, sabe? os seus textos sempre falam de duas pessoas e eu quero um que eu possa me identificar por completo. obrigado e eu amo tudo aqui!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Será o meu próximo texto, vivo hoje um pouco disso.
      Grata! ♥

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...